Vale dos Reis

Welcome to your campaign!
A blog for your campaign

Wondering how to get started? Here are a few tips:

1. Invite your players

Invite them with either their email address or their Obsidian Portal username.

2. Edit your home page

Make a few changes to the home page and give people an idea of what your campaign is about. That will let people know you’re serious and not just playing with the system.

3. Choose a theme

If you want to set a specific mood for your campaign, we have several backgrounds to choose from. Accentuate it by creating a top banner image.

4. Create some NPCs

Characters form the core of every campaign, so take a few minutes to list out the major NPCs in your campaign.

A quick tip: The “+” icon in the top right of every section is how to add a new item, whether it’s a new character or adventure log post, or anything else.

5. Write your first Adventure Log post

The adventure log is where you list the sessions and adventures your party has been on, but for now, we suggest doing a very light “story so far” post. Just give a brief overview of what the party has done up to this point. After each future session, create a new post detailing that night’s adventures.

One final tip: Don’t stress about making your Obsidian Portal campaign look perfect. Instead, just make it work for you and your group. If everyone is having fun, then you’re using Obsidian Portal exactly as it was designed, even if your adventure log isn’t always up to date or your characters don’t all have portrait pictures.

That’s it! The rest is up to your and your players.

View
Encontros 1-3
Goblins! Deusas! Goblin!
  • O Paladino Draconico Dravike Dragonar encontra com o também Paladino Fëanor Cememmudor (Link) um Alto Elfo ao perseguir um grupo de Goblins que possui informações vitais para ele. Contudo no caminho eles acabam encontrando também o complicado e genioso Maglor Vardamir um Meio Elfo Bardo que também estava em busca do Goblins.
  • Após uma sangrenta batalha fronte a estatua da Deusa Urtis, esses bravos guerreiros derrotam os goblins e salvam uma bonita jovem chamada Éren.
  • Graças ao poder de Urtis através do corpo da sacerdotisa e atual regente Éren, ele descobrem o que aconteceu com a região em que eles se encontram, o então próspero e rico Vale dos Reis. Assolado por um guerra e por ataques de todos os lados, o reino pereceu e agora seus sobreviventes se aglomeram em um pequeno assentamento planejando e rezando para um dia a glória volte ao seu lar.
  • Os guerreiros aceitam o pedido da Deusa da Terra de auxilia a reconstruir e salvar o Vale. Urtis então através de Eren, os presenteia com 3 pingentes mágicos imbuídos com seu poder como uma mostra das bençãos que eles iram receber por ajuda-la.
  • Os heróis partem então em direção ao assentamento juntamente com Ëren, porem são atacados por lobos famintos. A batalha é difícil e mesmo com a péssima pontaria do Meio-Elfo e a queda de Link, eles conseguem superar a batalha e seguir em frente.
  • A noite espreita e os heróis aconselhados por Eren resolvem descansar em uma pequena fenda-abrigo localizada no sopé de um pequeno aclive. O descanso é calmo e merecido, porem seu despertar não. Eles acordam com gritos desesperados da sacerdotisa que diz ter sido roubada.Não seria tão grave se o que tivesse roubado não fosse a Consciência de Urtis um orbe magico pelo qual a Mãe da Terra se comunica com suas sacerdotisas.
  • Os heróis vasculham o abrigo e encontram pequenas pegadas levando para morro acima, assim como um pequeno alçapão que mostra que o abrigo era na verdade um local de emboscada.
  • Seguindo as pegadas, eles chegam próximos a uma grande arvore com uma fenda no meio, nada de estranho senão fosse por dois goblins de guardas, que são rapidamente atingidos por flechas disparadas por Link, e veem suas vidas chegarem ao fim sobre a grossa lamina do machado de Dravik e o fino Florete de Vardamir.
  • Os heróis descem as escadas seguindo pela entrada na arvore, só para encontrar mais problemas. 4 Goblins estão parados em um grande salão que se encerra em uma enorme estatua de uma demônio qualquer. Vardamir puxa seu Alaude e parte vagorosamente em direção aos goblins que ficam admirados olhando aquele pretensioso Meio-Elfo de merda vir desarmado em direção deles. A distração deles foi sua ruína, pois nesse momento dizendo algumas palavras magicas o Bardo encheu a sala com raios e trovões que torrou 3 dos goblins e deixou o sobrevivente desarmado o que fez com que rapidamente os companheiros do Meio-Elfo dessem cabo deles.
  • Tudo parecia resolvido, quando duas flechas misteriosas atingiram os guerreiros, que rapidamente procuraram abrigo atrás de algumas pilastras. Link com sua paciência e habilidade elfica espreitou a próxima flecha e rapidamente retribuiu o favor atirando contra a mesma direção. Dravik porém não teve a mesma paciência e com toda sua força correu em direção a “porta-demoníaca” causando um enorme impacto que além de derrubar os goblins arqueiros que estavam atrás da estatua ainda acionou o mecanismo que abriu a porta.
  • Seguindo pela porta os heróis encontraram uma frágil ponte que seguia em direção ao outro lado de um enorme fosso. Tomado pela ganancia tipica dos desesperados Vardamir com a ajuda de seus amigos saltou da ponta em direção ao fosso amarrado pela sempre resistente e oportuna corda de Link, em busca de um brilho que ele viu. Após todo esse perigoso ele foi recompensado com um bracelete de ouro bem velhinho.
  • Após passarem a ponte chegaram a sala com um abertura no teto e uma escada para baixo. Contudo nossos heróis optaram por um caminho menos óbvio, e Dravik o Dragão Bombado, usou sua força ridícula para mover uma enorme pedra redonda encostada no final do salão. Porem tudo que sobe desce e a pedra rolou por cima do Grande Lagarto deixando-o em um estado bem vergonhoso.
  • Contudo a recompensa foi boa, já que encontraram uma porta para uma sala secreta na qual além de estranhas esqueletos encontraram uma Espada Larga Magica e brilhante que reluz como uma vela na escuridão. Link profanando o corpo de seres de sua própria raça removeu rapidamente a espada das mãos esqueléticas do guarda, guardando-a para si.
  • Aproveitando-se do esconderijo fornecido pela sala secreta, Dravik sem qualquer trauma usou novamente sua força para colocar a pedra no lugar, transformando a sala em um local seguro. Mesmo os demais torcendo para um acontecesse um momento Indiana Jones novamente isso não ocorreu a sala foi fechada e eles puderam descansar em paz.

…por enquanto

View
Encontro 5
Chega de Goblins!
  • Após um estranho sonho, Link e Dravik acordam se sentindo mais próximos que nunca. Os heróis então acordam o meio-elfo, removem a pedra de seu esconderijo e partem em direção a uma escada em espiral que leva para baixo.
  • Descendo sorrateiramente eles encontram 6 Goblins dormindo no quarto abaixo. Rapidamente Vardamir puxa sua rapieira e perfura um dos dorminhocos, pórem o seu grito de dor é suficiente para acordar os outros Goblins que se preparam para o ataque.
  • Aproveitando o momento Link tenta se adiantar com seu arco, mais acaba sendo carregado pelo momento e erra, enquanto isso A Grande Lagartixa Paladina Dravik correm em direção ao goblins lançando seu bafo acido, que fere gravemente duas das vitimas e deixa outras duas com pequenos ferimentos..
  • Porem a batalha é interrompida por um grito de fúria de um dos Goblins que aproveita a situação para abrir uma grande ferida no peito de Vardamir que cai desmaiado. Link rapidamente tenta vingar seu amigo mais com medo de feri-lo ainda mais erra o ataque, fazendo o Goblin Assassino gargalhar sobre o corpo do Meio-Elfo
  • Dravik começa uma terrivel batalha contra os 4 Goblins restantes, dois deles tomam distancia ao fundo da sala e sacam seus arcos. Enquanto o restante parte para cima de Dravik que responde arrancando a cabeça de um deles com seu machado em um enorme jato de sangue, que faz com o que outro perseguidor erre o ataque.
  • No outro canto da sala o carrasco de Vardamir deixa suas emoções tomarem conta do corpo e erra o ataque contra Link, o que faz com que o Alto-Elfo faça o goblin se arrepender de seus atos e acaba com ele com um golpe derradeiro.
  • Dravik se livra do outro goblin, agora restando apenas os dois arqueiros no canto. O Largato-Paladino então diz que ira tomar conta dos dois, e segue em linha reta sem medo desviando das flechas e grava seu machado na cabeça de uma dos arqueiros. Enquanto isso o hábil Link costura o peito do Vardamir e deita ele em uma das pequenas camas dos Goblins.
  • O últimos do Goblins ao ver se companheiro ser morto por Dravik larga seu arco, puxa sua cimitarra e jura vingança contra eles, porem não hoje, e parte em direção a porta, a tempo de ser impedido por Link que corta sua cabeça.
  • Os heróis então vendo o estado de Vardamir, resolvem dar algum tempo para ele se recuperar. Contudo esse era o tempo necessário para que dois Goblins entrassem sorrateiramente na sala e atacassem o Alto-Elfo pelas costas.
  • Tomado pelo susto, os 3 salvadores de Urtis nada conseguem fazer além de errar seus golpes e serem atingidos pela lamina dos covardes Goblins.
  • Pórem Dravik puxa seu machado de baixo para cima com força despedaçando um deles. Contudo o outro aproveita um desequilíbrio de Vardamir e parte para cima dele com infincado sua cimitarra nas costas do bardo que cai. O Goblin ainda disfere um chute da cara do Meio-Elfo xingando-o de inútil.
  • Link puxa sua espada para ajudar Vardarmir e corta a cabeça do goblin que cai sobre o corpo dele. Dravik fica parado olhando enquanto esconde uma risadinha de desprezo pelo meio elfo caído..
  • Após um curto tempo para se recuperar da batalha, os heróis resolvem explorar uma porta emperrada, o que na verdade se mostra uma armadilha terrível para Dravik que cai no fosso. Link com sua corda tenta traze-lo para cima, mas água e o peso do lagarto não ajudam em nada. Vardamir sentido-se mal por não ter tido serventia na batalha, toca uma melódia melancólica que acaba por inspirar o Alto-Elfo que consegue finalmente puxar o Draconiano para o topo do fosso..

*Sem mais lugares para explorar, os guerreiro decidem voltar pela escada em espiral e procurar de onde vieram aqueles Goblins. Eles então veem uma corda que leva para cima em pequeno plano na parte principal da caverna.

  • Link se prontifica a subir primeiro na corda, seguido por Vardamir. Quando esta quase no topo ele vê uma cimitarra vindo em sua direção, o topo do plato tinha guardas!! Porém graças a sua agilidade élfica ele consegue balançar a corda para trás, fazendo o goblin cair.Contudo o outro goblin guarda consegue atingi-lo e em um movimento rápido Link puxa da corda e corta o goblin com sua espada, que revida no ar acertando Link.
  • Aproveitando o pouso e a dor LInk vira e acerta sua espada no goblin lançando-o para baixo, fazendo com que caísse em cima do outro Goblin. Vardamir sobe a corda porem já é a tarde a batalha esta concluída, mas não ter participado em nada não impede o Bardo de rir e ridicularizar da situação dos goblins la embaixo que acabam ficando tão nervosos que não percebem quando Dravik desce seu machado sobre eles, encerrando de uma vez por todas com os guardas.
  • Com os 3 amigos, já no plato, o único caminho é seguir através de uma porta de metal logo a frente. Ao abrir a porta ele encontram um Goblin maior e mais bem equipados que os demais, é possível rapidamente identifica-lo como Líder dos Goblins.
  • Sem nenhuma cerimonia o Lider puxa sua lança e parte para cimas do guerreiros, uma violenta e sangrenta batalha se inicia. Com Dravik e Link tentando desesperadamente passar as defesas do Goblinóide , e Vardamir tentando se mostrar útil ao grupo , xingando e cantando. Após um longo embate os Salvadores de Urtis finalmente conseguem dar cabo da criatura, e encontra entre seus espólios ouro e poções, porem o mais importante estava ali ao fundo com um brilho pálido, a Consciência de Urtis.
  • Com a orbe em mãos, os guerreiros reencontram Ëren e partem finalmente para o Assentamento do Vale.
View

I'm sorry, but we no longer support this web browser. Please upgrade your browser or install Chrome or Firefox to enjoy the full functionality of this site.